Sono dos pais só se recupera seis anos após nascimento do filho

Se você ouviu aquela máxima “Aproveite para dormir agora, enquanto você não tem filho”, leve esse conselho ao pé da letra. Isso porque um estudo comprovou que o sono dos pais só retorna à qualidade e quantidade que os adultos tinham após seis anos de nascimento do primeiro filho.

Saiba com que idade é recomendado dar chocolate para seu filho

E, é claro que a parte mais afetada são as mães. Durante o terceiro mês após o parto é o pior momento, causando um sono com nível médio de satisfação 1,81 menor (pontuação que poderia variar de 0 a 10) e duração de 62 minutos a menos.

A amamentação foi associada com uma ligeira diminuição na satisfação do sono materno (0,72 pontos) e duração (14 minutos).

Já a parte paterna tinham esse nível de satisfação 0,37 pontos menor, e 13 minutos a menos de duração, em média.

Mas, tanto para os homens quanto mulheres, a satisfação e a duração do sono não se recuperaram totalmente por até 6 anos após o nascimento do primeiro filho.

O estudo foi realizado com 2541 mães e 2118 pais e liderado por cientistas da Universidade de Warwick, na Inglaterra.

Comentários